Baile dos Enxutos: Treta Civil – Parte 3 – The Treta Begins!

Mordor, lar do King. Dr. Manhattan ajudou na busca e reconstrução do King junto com o Luc Luc.

King: Me sinto… novo.

Luc: Você parece o mesmo para mim.

Os dois partem como um clarão. King usa um teletransporte!

Luc: Uau! Essa é nova! Vamos nos encontrar com os outros enxutos?

King: Sim, mas primeiro precisamos achar o Ckreed e o Super. Eu sei que eles estão com problemas.

Luc: E onde eles estão?

King: No espaço. Especificamente em Põenu, o planeta dos Lanternas Pinks.

Luc: Põe nu?

King: Não, Põenu.

Luc: Eita…

Os dois partem para o espaço.

Enquanto isso, na terra, Jota Jota fez um grande sacrifício para achar a regra 13 o Eunuco, com a ajuda do Dadá.

Eunuco: Deixamos o Jota para trás… não vou conseguir pensar em outra coisa agora…

Dadá: Esse Jotamóvel é muito maneiro, né?

Eunuco: Poxa! É demais… 4×4 né?

(Nota do Reverendo: Dadá fala Dadanês, mas eu faço questão de traduzir para vocês, leitores. Por isso que em outras histórias vocês encontram diferentes versões do modo de como ele fala.)

Enquanto isso na Avenida Paulista em SP.

Resultado de imagem para Predio Av Paulista

Rodarepmi: Obrigado por viLem paLa essa reunião de emeLgência. Como foi a CCXP?

Eriku: Trabalhamos duro. Foi épicU.

Rodarepmi: PeLfeito. AtivaLam a máquina da névoa mimimígena?

Eriku: Sim, logo no primeiro dia da CCXP. Esses humanos sentiram o efeito da névoa em pouco tempo.

Rodarepmi: Good, good! Vamos acabar com essa resistência maldita e fazer as coisas como os tLutas fazem.

Uma ligação interrompe a reunião.

Secretária Gostosa: Senhor, um lorde chamado Robin Hood está aqui te aguardando.

Rodarepmi: Mande-o entLar.

Põenu, lar dos Lanternas Pinks.

King e Luc chegam ao planeta. Luc se desespera ao perceber que está no espaço.

Luc: Aaaaaaaaaaaah! Vou morrer sem ar! Ué…

King: Estou te protegendo com um campo de força, relaxa.

Luc: Onde estamos? Que lugar destruído é esse?!

King e Luc andam pelos escombros. Havia destruição para todos os lados. Pedaços rosas e lilases destruídos. Buracos gigantes em outras partes. Naves parecidas com as naves dos trutas, destruídas.

King: Naves dos trutas? Ao que parece eles invadiram aqui.

Luc: Olha lá! Lanternas Pink no chão!

Corpos e mais corpos de lanternas pinks caídos. A quantidade de corpos ia aumentando.

King: Aparentemente eles estavam tentando proteger alguma coisa.

Luc: Seria a bateria deles?

Os dois olham para o centro da destruição. A bateria energética pink estava destruída.

Luc: Impossível… os trutas acabaram com os lanternas pinks!

Nesse momento King escuta alguém chorando.

King: Tem alguém ali naquela direção.

Ao se aproximar, alguém estava enterrando os mortos.

Luc: Super?

Super estava triste, muito triste e com o rosto todo marcado. Chorava copiosamente.

Super: Eles… eles morreram… todos… não pude ajudar… muito forte… muito…

King: Calma, Super. O que aconteceu aqui?

Entre soluços e com o olhar cabisbaixo, Super relata.

Super: Foi um horror… Eu estava no espaço, sobrevoando a terra, quando vi o Ckreed voando rápido para cá… percebi que tinha algo errado e vim atrás. Quando chegamos aqui, a Tropa dos Lanternas Plinks já estava quase toda dizimada! Põenu estava sendo atacada pelos trutas, os mesmos do planeta que estávamos daquela vez… Eram muitos! E eles eram muito fortes… Conseguimos lutar com alguns deles, até que vieram uns trutas diferentes, pareciam uma equipe! Eles eram muito, mas muito fortes! Não conseguimos revidar… eu estava quase desacordado quando… quando… quando…

King: Quando o que?

Super: Quando eu vi o Ckreed pela última vez!

Luc: Não vai dizer que ele…

Super: A gente estava em desvantagem, com muitos trutas nos atacando… daí mandaram destruir a bateria central dos lanternas pinks…. Nessa hora o Ckreed voou direto para dentro da bateria. Foi quando, com um único disparo de uma nave, a bateria explodiu! Não vi o Ckreed depois disso…

Luc: Não… como que eles destruíram todos os lanternas pinks?! Eles não se defenderam?!

Se levantando e enxugando o rosto, Super respira fundo.

Super: Foi estranho, parecia que os lanternas estavam hipnotizados. Eu não entendia nada do que eles estavam falando… algo sobre mimimi, snyders, decenecos… realmente estavam estranhos.

King: Precisamos ver isso o quanto antes. Pode ser algum tipo de arma. Vamos para Terra agora.

Os 3 se teleportam para a Terra.

Enquanto isso, Leo procurava pistas na Terra Selvagem, o último lugar que havia visto o Sorg.

Leo: Tem alguém aqui…

Com muita velocidade, alguém atinge o Leo em cheio, fazendo-o desmaiar.

Pouco tempo depois, Leo acorda e sente alguém cheirando-o… uma gata.

Leo: Hmmm, o que? Arlequina?!

A gata dele estava lá.

Sorg: Ela não parava de miar.

Leo: Sorg?! É você mesmo?!

Sorg: Não, é a sua mãe… Percebi que você não era um impostor, graças a ela. Quase te matei.

Leo: O que você está fazendo aqui e como você está com a Arlequina?

Sorg: Estive ocupado demais descobrindo todo o rolo com essa máfia, chineses e os trutas. Achei a Arlequina quando passei no seu apartamento, mas estava todo destruído. Descobri a verdade tarde demais…

Leo: Que verdade?

Sorg: Comentamos isso na época do Truta Wars, se aqueles trutas tentariam invadir a Terra algum dia. Pois bem, eles já invadiram… eles estão entre nós.

Leo: Está tão grave assim?

Sorg: Descobri uma arma secreta… eles acionaram essa máquina na CCXP. Ainda não sei ao certo o que ela faz, mas percebi que algumas pessoas perderam a razão, estão mais mimimizentas com as coisas, se preocupando com coisas sem importância… creio que essa arma é para distrair… algo maior está por vir.

Leo: Então vamos nos encontrar com os outros, agora!

Sorg: Melhor eles virem para cá. Podemos usar a Área 171 como esconderijo.

Algum tempo depois, King recebe a mensagem do Sorg e do Leo e aparece com Luc e o Super. Logo após chega Eunuco e Dadá, com o Jotajotamóvel. Gruut aparece logo em seguida, mas o Majjin aparece depois, porque esqueceu o caminho.

Sorg: Eu tenho muito o que explicar, mas primeiro cadê o Inferno, o Moe e o Reverendo?

King: O Inferno está… na casa do Polvo Aranha?  O Moe está… na Casa de Libra com o Frogwalken?  Não vejo o Reverendo em nenhum lugar…

Sorg conta resumidamente o que aconteceu, desde o final da Trutas War até o início da Treta Civil.

Sorg: No final da guerra com os trutas eu reparei em algo, uma movimentação estranha aqui na Terra Selvagem. Restos do Truta Suprema foram recolhidos por uns poucos trutas que restaram e estavam indo para uma nave. Eu ia dar um fim neles, mas ouvi no comunicador da nave palavras em idiomas terráqueos. Alemão, francês, inglês e em especial chinês. Percebi que eles estavam mais infiltrados que pensávamos. Resolvi pesquisar, sem alardes. Meses se passaram e Rodarepmi assumiu o cargo das agências de entretenimento do Brasil, em especial do Ovolete e Úoner. Vocês sabem quem é esse Rodarepmi? Descobri tarde demais que ele é o Imperador do planeta dos Trutas, o mesmo planeta que estávamos (na Parte 3 da Trutas Wars). Eles começaram a dominar geral e quando percebi já tinham atacado vocês. O pior é que eles conseguem se transformar, daí foi ainda mais complicado confiar em vocês. Agora eles ativaram uma máquina, na qual não sei absolutamente nada a respeito, mas creio ser uma máquina para distrair nossas mentes, sendo que as pessoas estão mais mimimizentas, brigando por nada, nos dividindo, ao invés de nos unir. É o jeito dos trutas, dividindo para conquistar. Eles vão invadir nosso planeta em breve e não estaremos fortes para contra-atacar, pois estaremos brigando. Agora mesmo vocês estão sentindo uma vontade de discutir, de reclamar? Repararam que o mundo está mais dividido e isso está piorando? É a máquina… temos que controlar nossas mentes, pois podemos arrumar alguma treta… e por nada!

—————————————————————————————————————————————–

Nesse tempo outros blogs são atacados pela máfia. SuperAmiches, Iluminerds, Quadrinheiros, Jovem Nerd, Marvel 616, Terra Zero, Action e Comics…

—————————————————————————————————————————————-

Na sala da Delícia do SuperAmiches:

Evandro: Bah, meu! De onde saiu esses malucos nos atacando? Que caras chatos pra caralho.

CGui: Nossa, mano, da pra repetir? Não tava prestando atenção.

Zweist: Por que eles estão atacando? Isso não faz sentido.

Gariba: Alguém viu o Manhattan por aí e o balde de limpeza?

Tom: Gente, que horror! O que eles querem com a gente?

Godoka: Isso só pode ser culpa dos enxutos. É claro!

Coruja: Ficam se metendo com trutas, dá nisso. O que vamos fazer?

Sir Vinnie, em um canto da sala, polia seu elmo: Caguei! Tomar no cu esses filhadasputa desses enxutos! Caralho, merda!

Flammer: MERMÃO, a gente não pode deixar eles atacarem assim não!

Evandro: (arroto) Esses enxutos NÃO MERDA NENHUMA de briga, vamos resolver isso com eles agora…

Continua…

Em breve: Treta Civil – Parte 4: SuperAmiches vs. Baile dos Enxutos!

Comentários Facebook (O DISQUS ESTÁ ATR... LOGO ABAIXO)

Comentários Disqus

BDE1