Matinê dos Enxutos: Creed – Nascido para lutar

    7
    122

    Matinê dos Enxutos: Creed – Nascido para lutar, com um pouco de spoiler.

    Pois bem enxutos e enxutas! Assisti nessa Sexta passada (dia 15) o novo filme do Stallone – Creed – Nascido para lutar, derivado da saga Rocky Balboa, e confesso que fiquei muito surpreso com ele.

    Creed - Nascido para lutar

    A história começa contando a infância de Adonis Creed (Michael B. Jordan), filho bastardo do Apollo Creed e passa até a idade adulta, onde ele tem um emprego fixo, mas participa de algumas lutas de boxe, mesmo não tendo treinado para isso. Adonis larga o emprego e parte para Filadélfia, onde pretende encontrar Rocky Balboa, antigo amigo de seu pai, para treina-lo e introduzi-lo no mundo do Boxe.

    O filme tem uma carga emocional forte, não somente pela história do Adonis, mas pela história do Rocky. Stallone está muito bem no papel que ele interpreta a 6 filmes. Rocky está velho e doente, e não é somente por isso que o filme fica mais dramático, mas porque ele realmente está sozinho e triste.

    Creed - Nascido para lutar 2
    Rocky treinando Creed

    A química Creed/Balboa funciona muito bem. Enquanto Adonis precisa de uma figura paterna para guia-lo nesse caminho, Rocky precisa de alguém para tira-lo da solidão e voltar para o mundo do boxe, fazendo-o lutar contra sua doença.

    Creed – Nascido para lutar me emocionou de diversas maneiras. É um filme de superação, como os filmes do Rocky, mas muito mais dramático. A narrativa é diferente dos filmes do Rocky e  as filmagens das lutas estão muito mais realistas! Impressionante como o diretor Ryan Coogler conseguiu um enredo carregado no drama e conseguiu conduzir o filme de uma maneira de tirar o chapéu. Não é a toa que o filme rendeu diversas indicações e DOIS prêmios de melhor ator coadjuvante para Stallone (Golden Globe e Critics’ Choice), fora a indicação ao Oscar 2016.

    2
    Creed – Nascido para lutar

    Um detalhe sobre o filme: o diretor Ryan Coogler fez o roteiro e apresentou para o Stallone. Após terminar de ler o roteiro, Stallone queria muda-lo, acrescentando e tirando algumas coisas. O mulher dele Jennifer Flavin disse para ele não mexer em nada e somente atuar, pois com isso ele iria desafiar ele mesmo como ator e deixaria todo o resto para os outros, coisa que ele NÃO costuma fazer. O resultado disso foi o citado acima.

    Creed já tem continuação confirmada. Se o Stallone não mexer muito no filme, creio que será tão bom quanto o primeiro.

    Até a próxima!

     

     

     

    Comentários Facebook (O DISQUS ESTÁ ATR... LOGO ABAIXO)

    Comentários Disqus

    BDE1