Batman

Na onda do “fantástico” Dark Nights: Metal, vem aí Batman: The Red Death.

O narrador da história explica o que seria esse “Multiverso Sombrio“: Um universo que cria mundos desfuncionais, cheios de medos e imperfeições, que são destruídos justamente para que o multiverso “normal” possa existir.

Batman

Nessa realidade as pessoas lutam pela sobrevivência, mais especificamente na TERRA 52. O Batman dessa realidade está desesperado para ter a força de aceleração do Flash. É nesse contexto que a história começa, com um Batman totalmente sangue nos olhos caçando o corredor e esse tentando desesperadamente salvar sua Central City. Batman usa todos seus truques para pegá-lo, enquanto conta toda sua história e tragédias pessoais (repetidas vezes).

Recomendação do Sorg

Batman

Apesar de ser o velocista mais rápido do mundo, Flash é pego, quando demostrava remorso pelo Batman e o mesmo congela a perna do corredor, dando-lhe um murro, que o faz desmaiar. Flash acorda preso no capô do Batmóvel. Batman explica que vai acelerar até alcançar a força de aceleração (???) e, com o Flash junto, irão se UNIR e criar um novo ser, para fazer o que é necessário: Salvar aquele mundo.

Batman
ALCANÇAR A FORÇA DA ACELERAÇÃO COM O BATMÓVEL… TÁ CERTO.

Em Gotham City, o caos reina. Os vilões estão tocando o terror, matando tudo e todos, até a chegada do Batman Red Death, a união do Batman com o Flash. Red Death não tem misericórdia e começa a matar todos os vilões. TODOS mesmo. Barry tenta argumentar com Bruce mentalmente, mas em vão. Red Death percebe que o mundo está morrendo e não tem nada que ele possa fazer a respeito…

 

Batman

…até que o Bat-Coringa aparece. Barbatos enviou esse Bat-Coringa para oferecer uma chance de salvar a vida deles, em um multiverso onde a escuridão não tomou conta e onde o mundo não é destruído por necessidades. Red Death aparece na Central City da Terra 0, o primeiro mundo do multiverso, e logo de cara encontra o Wally e a Iris desse mundo. Ambos envelhecem com a chegada do Red Death. Até o Flash sente os mesmo sintomas ao chegar, mas é salvo pelo Senhor Destino, que o teleporta de lá. Red Death diz que vai salvar a SUA Gotham City, transformando aquela Central City nela, encerrando assim essa edição.

Batman

Essa história “fantástica” foi do escritor Joshua Williamson e os desenhos realmente fantásticos ficaram nas mãos de Carmine Di Giandomenico. 

Eu não vou tecer comentários a respeito e, principalmente, não irei dar nota. Deixarei isso para vocês aqui nos comentários, enxutos, enxutas e enxutes.

Comentários Facebook (O DISQUS ESTÁ ATR... LOGO ABAIXO)

Comentários Disqus

BDE1