Se bem executado, pode dar certo…

Olá, Enxutos que também gostariam de rebutar suas vidas fracassadas!

Saiu no Reddit as primeiras páginas de DC Universe: Rebirth #1, escrita por Geoff Johns, revelando informações chocantes sobre a reformulação da DC.

A publicação trás o retorno do Wally West tradicional, do “Afrolad”, de O Dia Mais Claro, mas gay, três Coringas, o Superman anterior ao dos Novos 52, o qual está morto, o retorno da Sociedade da Justiça original e a inclusão de Watchmen no universo regular da DC Comics. Na história, Dr. Manhattan teria sido responsável pela criação dos Novos 52, com a origem dessa conexão podendo ter sido apresentada já nas páginas de Before Watchmen: Doctor Manhattan #4, segundo o BleedingCool.

EU ACHO ISSO TÃO FORÇADO…

Idealizador dessa história de longo prazo, o diretor criativo da DC, Geoff Johns, tem se encontrado com os roteiristas das séries para alinhar as tramas ao arco principal, mas o copublisher Dan DiDio frisa que as HQs não ficarão condicionadas a essa história.

Jonhs continuará trabalhando como diretor criativo da DC, em paralelo à sua recém-anunciada função de supervisor do Universo DC do cinema, prometendo trazer a esperança e o otimismo ao filme da Liga da Justiça.

Nessa reformulação, também teremos a Superwoman, Lois Lane, ganhando os poderes do Superman e morrendo aos poucos por causa deles (Cof! Cof! Thora… Cof! Cof!).

Veja o preview de DC Universe: Rebirth#1, que vai zerar numerações e mudar periodicidades dos lançamentos da editora a partir de junho:

DC Rebirth

Sinceramente eu não sei o que dizer sobre isso, apenas sentir…

Particularmente não sou contra mudanças, mas como e por quem elas são feitas que pega e a DC tem errado bem mais que acertado recentemente, tanto que perde direto para a Marvel nas vendas de quadrinhos, mas vou ler isso, pois sou um verme, para poder falar mal com mais propriedade.

********** ATUALIZAÇÃO: **********

Em entrevista ao jornal USA Today, o roteirista e diretor criativo da DC Comics, Geoff Johns, falou sobre a revelação de que o Dr. Manhattan é o responsável por criar o Universo DC dos Novos 52:

“A sensação é de algumas coisas estavam se perdendo, não personagens, mas um senso geral de otimismo e esperança. Há um caráter de calor e emoção nesse universo que vai além das grandes ameaças épicas e das questões de continuidade. Se nós teremos um conflito entre otimismo e pessimismo, você precisa de alguém que represente um ponto de vista cínico da vida e tem a habilidade de afetá-la. Sei que soa maluco, mas [o Dr. Manhattan] me pareceu o personagem certo para usar.”

DC Universe: Rebirth #1 revela que o Dr. Manhattan teve atuação fundamental na criação do Universo DC dos Novos 52. Segundo Johns, porém, o papel do Wally West pré-Ponto de Ignição, no reboot de 2011, continua “igualmente tão importante” quanto o do Dr. Manhattan. Na reapresentação de Wally às histórias, ele será como um representante dos leitores mais velhos:

“Wally tem uma perspectiva que muitos leitores devem ter também. Ele tem o conhecimento de tudo, e está tentando voltar a isso”, diz Johns.

Vejam mais páginas de DC Universe: Rebirth #1. Daqui a pouco a DC libera a revista inteira!

Será que a DC agora entra nos eixos, Enxutos? Oremos.

Comentários Facebook (O DISQUS ESTÁ ATR... LOGO ABAIXO)

Comentários Disqus

BDE1