Bom, parece que este filme será mesmo cometido.

Asher Angel – que trabalhou em uma série da Disney chamada Andi Mack – será o intérprete de Billy Batson no filme Shazam!, que contará a origem do Capitão Marvel que vale!

“Tomara que seja aquela versão em que o Billy, apesar de ser criança, apresenta um programa de rádio e… Peraí! O que é rádio?”

Se houver ainda algum herege no mundo que não conheça esta história, Billy Batson é o garoto que ganha a capacidade de se transformar no (ou, em algumas interpretações, trocar de lugar com o) super-herói sempre que pronuncia a palavra mágica… Shazam!

CHUCKAM!

O eterno Capitão Fraldinha – que já teve uma série de TV – será interpretado por Zachary Levi. Mark Strong – que já foi o vilão de Kick Ass (idem, 2010) e de Lanterna Verde (Green Lantern, 2011) – está cotado para ser o Dr. Silvana, provável antagonista do herói no longa. Grace Fulton – que trabalhou com o diretor de Shazam!, David F. Sandberg, em Annabelle (idem, 2017) – está praticamente fechada com a produção e deverá interpretar uma “amiga” de Batson.

“Quer dizer que Lanterna Verde 2 não vai rolar?”

O longa não deverá contar com uma participação de Dwayne Johnson, confirmado como o Adão Negro, famoso antagonista do Capitão nos quadrinhos, mas que ganhou um filme solo (!!!!) no cronograma da Warner-DC!

“Zach quem?”

Bom, não sei o que esperar. Capitão Marvel é um personagem muito judiado pela DC, a ponto de sua cópia deslavada – Miracleman (ou Marvelman) – ser considerado mais importante do que o próprio! Claro que deve ser um filme mais família, até infantil. E isso é o suficiente para me dar arrepios, pois o pessoal que produz essas coisas confunde “familiar” com “idiota” e “infantil” com “retardado”.

Grace Fulton. Ou já podemos chamar de Mary Marvel?