O Quarteto Fantástico de JACK KIRBY e STAN LEE, de #01 a #10, por Ozymandias_Realista.

  • Canoa Furada

    Resenha sensacional! Fiquei até com vontade de ler esse material.

    Só li as primeiras edições de X-Men e Homem-Aranha. E as do amigão da vizinhança levam uma enorme vantagem no quesito qualidade, visto que os filhos do átomo só passaram a ter histórias de fato interessantes a partir da chegada do Claremont.

  • O_Comentarista

    Excelente post!

    E pensar que agora o quarteto é renegado por causa de direitos autorais…

    Esse pessoal q cospe no prato q come vai aprender da pior forma possível.

  • Vipo Free

    Eu tenho algumas dessas geração marvel, no começo eram R$1,50 e vinham uma historia do aranha e uma do quarteto.
    Essas historias da década de 60 e parte de 70 acho extremamente datadas, leio por curiosidade, mas não consigo aproveitar muito(exceção ao homem aranha).

    • Vipo, era 3 conto cada, eu tinha essa mesma impressão, mas estou revendo esse conceito. Ta na minha lista a “contracultura” dos anos 70 da Marvel como o Doutor Estranho do Ditko, Fury do Steranko e o Howard – o Pato do Gerber. Enquanto dos anos 60 ainda, pegar o Aranha desde primeira.

  • Ótima resenha, Ozzy! Melhor que muitas que saem aqui! RRRRRATINHO!

    • Duvido, os caras aqui são fodas, tanto que aprendi muito do estilo de escrita da galera aqui, pra deixar o texto mais solto, sem ser tão “acadêmicozinh0”.

      • Não pode nem mais elogiar alguém, desmerecendo injustamente outras pessoas… 😔

  • Frogwalken

    ” e “meramente” remendando todo o multiverso “

    REMENDER NÃO, CARA!!!

    Texto excelente Ozzy, saudades DESSA marvel, que tinha Pernas de Fora, decotões, boas histórias e… Vejam só, minorias!

    #PauNoCudosSJW

    E A TIA PETÚNIA É A MELHOR COISA DO QUARTETO!!! =D

    https://4.bp.blogspot.com/-wSiP2PLYckc/U1hVSpHnNvI/AAAAAAAAYMo/srBzUP0Ao1Y/s1600/ff239_1.jpg

    https://68.media.tumblr.com/e7e931366ea94f97149043f9a06c7493/tumblr_orykj1kuY81s2u4wdo2_1280.jpg

    https://static.comicvine.com/uploads/original/1/11352/1181287-ffv180a.jpg

    BWAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA

    http://1.bp.blogspot.com/-7fstBcGVWks/U7RgHBqsDNI/AAAAAAAAAXA/lg0OCdCZH8Q/s1600/Thing_spanking_moondragon_marvel_two-in-one_62_marvel_april_1980.jpg

    • Vipo Free

      Fase do bryne no quarteto é muito boa e injustiçada, pessoal só lembra dele nos x-men e acabam esquecendo dessa excelente fase.

      • eu cretino

        O mestre byrne é um injustiçado.
        Muito do que ele renovou e reinterpretou ainda é usado como versão definitiva, Mas a galera não aceita reconhecer.
        #MestreByrneTheBest

    • Tia Petûnia é praticamente o Tio Ben pro Ben Grimm, e ainda mais importante, já que ele cita ela mais do que o próprio Parker (quando Parker…) cita o tio.

      • Frogwalken

        Me lembra que nunca fiz NUDES dela… Providenciarei para breve =P

        • Se ao menos consegui-se as fotos que tiraram da Mulher-Hulk enquanto ela fazia topless na fase do Byrne pro Quarteto…

    • eu cretino

      Tia petunia nua pelada pornô (nunca te pedi nada cara)

  • Pedro la Ruína

    Fiquei com vontade de ler essas histórias… Da Marvel “original”, eu só li X-Men, que eu achei bem tosco, tipo um Magneto digno de ser o vilão de algum episódio de Scooby Doo. Se bem que foi num dessas primeiras hqs de X-Men que tive uma das minhas grandes de aulas de roteiro.

    • Vipo Free

      Boa parte dessas hqs da decada de 60/70 são assim 😛

    • Tô lendo o livro “A História Secreta da Marvel” atualmente, e acho que o público deve ter concordado contigo na época, tanto que cancelaram o título várias vezes, só veio dar certo em grande escala como os demais, já com o Claremont.

      • Pedro la Ruína

        É. Quando penso nas grandes histórias de X-Men, logo surge na minha cabeça Claramont e Bryne. Quase como se eles tivessem criado a mitologia dos mutantes – tamanha a importância dos dois. xD

        • Imagina só como o cara se sentiu em um belo dia, após 17 anos de contribuição exclusiva, quando o editor chefe lhe disse “O Liefeld e seus amigos vão tomar conta dos X, se quiser ficar, vai ter que ficar escrevendo as letrinhas nos desenhos deles!”

  • Super do BdE

    Muito bom. #invejinha

  • #OzymandiasProBdE

    • #OzymandiasProBdE [2]

      • Valeu pelo espaço, gostei da edição, vendo agora, se tivesse colocado todo, ficaria longo demais mesmo. Acho que lá dia 20, devo tá fazendo os sobre as outras 50.

        • São 12 páginas, sua loka! A geração Twitter teria um derrame, com tantos caracteres duma vez. 😄

          • HAW HAE HAW, Pensei que essa geração tivesse adepta dos “textão de Facebook”.

          • O_Comentarista

            Bem contraditório.

    • eu cretino

      #UmAlmoçoResolveIsso

  • Fernando

    Pergunta: algo criativo assim surgiria – e teria espaço – hoje em dia?

    • Acho que sim, mas virar uma franquia, que se repetiria década após década, acho difícil.

    • Provável que lançassem menos que 30 números, e numa zebra de um filme ou um game que divulga-se, volta-sem com outros autores a fazer como mensal.

  • Nicola “Majjin” Latorraca

    Cara, tenho q tirar o chapéu pro leitor, li o texto todo no e-mail do bde, e parabéns… Foi um ótimo trabalho.

    • Leu é? Revisar e postar, que é bom, nada, neah?

      • Nicola “Majjin” Latorraca

        Vc revisar até a liçç

        • Mim só não revisar comentários, ainda, cara pálida.

  • Anubis_Necromancer

    “Os “justiceiros sociais” talvez ficassem surpresos, aos ver já na #08 a inserção de Alicia Masters, uma mulher cega, cujo padrasto estava a ser um dos mais vis déspotas, não sentir pena de si mesma e lidar com sua perda, de forma a realçar suas outras habilidades, sem solicitar atenção especial por isso, temática que futuramente seria trabalhada em Demolidor.”
    Isso não algo exclusivo dos SJW.
    Alias se fossemos classificar o Stan Lee e o Jack Kirby seriam SJW.
    Afinal, eles foram os caras que colocaram os “excluidos” nos quadrinhos com maior diversidade, ainda mais na década de 60/70.
    Ou nas palavras do próprio
    https://scontent.ffor11-1.fna.fbcdn.net/v/t1.0-9/20799847_1447370345309456_7490650979196025643_n.jpg?oh=6d6da56f8042ec10554039a2e5d08642&oe=5A4ED8D6

  • O Imatável Polvo Aranha

    Saudades dessa época que a Marvel tinha algum pensamento artístico, e não só industrial.

    • Não custava nada a Fox usar esse material original para os filmes.

      • O problema, é que eles iam querer “melhorar” o material original e ia dar merda.

        • Mas já fizeram isso em três filmes e não funcionou.

      • Glaydson Melo

        Se fizessem como foi no X-Men Primeira Classe, com a história se passando nos anos 60, será que funcionaria?

        • Não digo se passar nos anos 60, mas ser mais fiel ao conceito dos personagens, fazendo leves atualizações neles.

        • O Guardiões da Galáxia é praticamente uma reformulação de como eram os gibis do Quarteto nas antigas, a maior diferença é que eles voltavam pra Nova York e a vizinhança, enquanto os outros ficam lá girando em sei lá que planetas.

        • eu cretino

          Sim pois todo mundo gosta das décadas passadas

%d blogueiros gostam disto: