1

Retomando uma ‘tradição’ Enxuta, hoje falaremos sobre algo do Eixo do Mal Marvel/DC. Clica aê e confira o Morcego Negro de Brian Buccelatto pela Dynamite na Resenha Enxuta: The Black Bat #1-9…

2

Salve, salve caros Enxutos. Atendendo a pedidos do Super e de alguns enxutos, a Quarta-Feira Sem Mainstream de hoje apresenta a nova versão de um personagem da Era de Ouro dos quadrinhos, The Black Bat, O Morcego Negro. Antes de irmos direto ao que interessa, um breve histórico sobre o personagem. Para quem não sabe, ou não se importa, a primeira aparição do Morcego foi em 1933, na Black Bat Detective Mysteries #1, escrito por William Jenkins (sob o pseudônimo de Murray Leinster). Curiosamente, a série durou apenas 6 edições e o protagonista jamais teve seu nome revelado. Como ‘moda’ na época, Bat era apenas um investigador particular que ajudava a polícia.

3

A segunda versão do herói, esta sim a qual serviu como referência para este nova visão da Dynamite, surgiu em julho de 1939 no título Black Book Detective. Escrito por Norman Daniels (sob a alcunha de G. Wayman Jones), a história acompanhava as desventuras do ex-promotor Anthony Quinn. O referido cidadão acabou perdendo a visão por ácido jogado por um bandido a mando de Oliver Snate, um chefão do crime. Com a ajuda de uma misteriosa mulher chamada Carol Baldwin, acaba aceitando uma cirurgia de córneas onde acaba, além de recuperar a visão, ter a capacidade de enxergar no escuro. Com o tempo, desenvolveu habilidades naturais a um cego, como audição, olfato e tato mais sensíveis. Segundo relatos, obviamente, o Demolidor teria sido inspirado neste personagem. Já em relação ao Batman, apesar das controvérsias, aparentemente ambos surgiram no mesmo período, sem existir uma ‘inspiração’ entre ambos. O fato é que O Morcego Negro ‘inspirou’ as manoplas com ‘barbatanas’ do Batman, dado que o primeiro fora quem usara algo desta natureza bem antes do ‘nosso’ Bruce Wayne…

4

E o atual? Pois bem, ao longo das nove edições a história sobre o passado de Anthony Quinn vai se descortinando aos poucos. Assim sendo, o que sabemos até agora: Tony (mas não o Pinga) é filho de um honesto promotor de justiça. Apesar de seguir a carreira de adEvogado, Quinn decide fazer dinheiro e assume casos onde precisa defender a marginalia, a despeito das súplicas de seu pai para seguir um caminho mais ‘reto’. O fato é que seu pai fica doente, em estado terminal, e Quinn finalmente se arrepende dos rumos que tomara na vida. Com o pai no leito de morte, Tony decide não entregar uma testemunha chave de um julgamento contra o chefão do crime Oliver Snate. O vilão fica fulo da vida e, mesmo com Quinn pedindo para que pudesse se despedir de seu pai moribundo, ordena para seus capangas darem um ‘sossega leão’ no advogado. Por fim, com a recusa de Quinn em dizer quem é a testemunha, Slate decide puni-lo. E, dizendo que como a justiça é cega, o próprio Snate faz isso:

5

Por fim, o jogam em frente ao hospital onde seu pai está internado. Recebe os primeiros atendimentos, mas já é tarde demais para poder se despedir de seu progenitor. Papis Quinn não resistiu e morreu. Atordoado e cego, Tony decide se suicidar pouco depois, jogando-se de uma ponte. Entretanto, pouco antes da queda, uma misteriosa mulher surge lhe oferecendo uma oportunidade para se vingar e recuperar a visão. Inicialmente, o advogado rejeita e realmente tenta se matar. Entretanto, uma equipe de mergulhadores está a postos e o salva. A mulher, chamada Carol, trabalha para uma misteriosa agência e estes têm planos para usar o Tony Quinn em seus propósitos.

6

Após o salvamento, Quinn aceita e passa por um processo cirúrgico (não é mostrado na hq, apenas citado). Assim, passa a ter globos oculares negros e a capacidade de enxergar na escuridão, além de ter de volta sua visão. Além deste ‘poder’, nada é mencionado sobre as habilidades de Quinn, apenas há uma passagem de tempo (cerca de 18 meses) e nada mais. Já nas primeiras aventuras, percebe-se que o herói luta em alto nível, algo não condizente com seu status anterior. E sim, usa um par de armas. Um detalhe adicional: como parte do ‘experimento’, a equipe da agência consegue ‘ver’ pelos olhos de Quinn, gravando e assistindo a todos os seus movimentos…

Por fim, a escolha do nome foi bem ‘casual’, dado seu novo poder. Quando questionado por um meliante qualquer qual seria seu nome, inicialmente solta um ‘Bat’, mas logo pensa melhor e solta o ‘The Black Bat’.

Em paralelo a estes acontecimentos do passado, são intercalados a história principal. Já como Morcego Negro, o herói começa sua vingança contra Oliver Snate. Por sinal, descobrimos que o pai de Carol fora assassinado pelo vilão, sendo esta uma de suas motivações em usar Quinn como este cobaia. Como pano de fundo, acompanhamos Snate e seu plano para tocar o terror na cidade. Sequestra pelo menos uma dezena de policiais, sem solicitar resgate ou alertar motivos. Em um segundo momento, captura um policial incorruptível e acima de qualquer suspeita. Chantageia-o para que este possa levar uma bomba para o tribunal de justiça, onde poderiam matar centenas de juízes e promotores públicos. Para mostrar que fala sério, degola um dos sequestrados em frente ao policial…

7

Sem muita escolha, o policial decide realizar a missão suicida. Neste interim, o Morcego investiga os sequestros e acaba envolvido na trama. Ao descobrir a localização do cativeiro, é alertado pelos policiais sobre o plano de Snate. Parte para o Tribunal e, com disparos para o alto, consegue criar pânico e a evacuação que julgava necessária. Só que o ‘homem-bomba’ estava fora do prédio, levando todos para a morte certa. Resultado: 167 mortes e o Morcego, já não muito bem visto pela polícia, acaba caindo em desgraça de uma vez.

8

Fechando a resenha. Quinn em acesso de fúria por causa dos fatos anteriores e estimulado por Carol, invade a fortaleza de Snate, o fere e entrega a polícia. Rola um clima entre Morcego e Carol. Logo após uma noite de rala e rola entre os dois, a loura é capturada pelos homens de Snate. A mulher que fora demitida da agência por estimular Quinn a caçar Snate, mesmo quando não orientada a fazer isso, ainda possui alguns amigos na agência e estes alertam Quinn sobre o ocorrido. Desta vez, no entanto, há uma exigência: Morcego deve salvar Snate da prisão. Sem opções, o herói cumpre sua parte do acordo e liberta o chefão. No entanto, Snate cumpre parcialmente o acordo, liberta Carol, mas esta está ferida mortalmente, terminando assim a edição…

9

Como habitual, as análises a la Jack, começando pelos rabiscos de Ronan Cliquet. Com um traço correto, usando bem as sombras para realçar a realidade mais ‘dark’ do herói, a arte se sai razoavelmente bem. Não há um grande destaque, salvo a sacada já bem manjada de usar o preto e branco em contraste ao colorido quando estamos em um momento do passado. Ademais, a ação é fluida, cenários ok e nada mais. Simples e objetivo, sem muitas churumelas.

O enredo de Buccellato (este nome…) possui um ritmo bem interessante. Sem ir no caminho mais óbvio de contar toda a origem de uma vez, pincelando ao longo das 9 edições algumas cenas do passado, o autor prende sua atenção ao deixar aquela sensação de querer saber mais. A história principal é bem crível dentro da sua proposta, seguindo uma linha mais policial e menos heroica. Por sinal, o próprio ‘herói’ não se entende como sendo um, apesar de seguir uma linha bem ‘batman’ de não matar os bandidos.

Enfim, gostei. Buccelatto se mostra um autor que consegue conduzir satisfatoriamente uma historia policial, sempre deixando um gancho e uma dúvida para prender a atenção do leitor. Nunca li as histórias originais do personagem, mas destas novas versões pulp da Dynamite que li (pena que o UOL apagou as resenhas), o Morcego concorre palmo a palmo com O Sombra, deixando O Aranha (The Spider) para trás. Boa pedida, vale apena ler, caso queira sair do mais do mesmo de sempre.

Nota 7,5

E a última oportunidade para a votação da semana, não se esqueçam:

  • Pingback: Resenha Enxuta: The Black Beetle #0-4 - Baile dos Enxutos()

  • Sávio Morais Cristofoletti

    Bom, bem legal!

  • Sávio Morais Cristofoletti

    Bom, bem legal!

  • Renan

    Hehe, essa tecnologia me lembrou os implantes oculares que a Psylocke recebeu do Mojo. Boa resenha.

    E é irônico que nessa “Quarta Fora do Mainstream” seja o dia de lançamentos do mainstream.

    • Justamente porque não dá tempo de ler…

      Em quarta-feira, 26 de março de 2014, Disqus escreveu:

  • Canoa Furada

    Hehe, essa tecnologia me lembrou os implantes oculares que a Psylocke recebeu do Mojo. Boa resenha.

    E é irônico que nessa “Quarta Fora do Mainstream” seja o dia de lançamentos do mainstream.

    • Justamente porque não dá tempo de ler…

      Em quarta-feira, 26 de março de 2014, Disqus escreveu:

  • Bob_Balburdia

    O cara usa pistolas, mas não mata, e numa das primeiras missões dele ele deixa um monte de gente morrer? É uma anta mesmo.

  • Bob Balburdia

    O cara usa pistolas, mas não mata, e numa das primeiras missões dele ele deixa um monte de gente morrer? É uma anta mesmo.

  • pabloREM

    New Avengers perdendo para o Flash, Aquabucha, e os Guardiões do Bendis de briguinha com a Jean do passado. Inacreditável. Pior que isso só o Silver Surfer do Slott em primeiro e o Moon Night fora da disputa.

    • Moon Night foi sugestão de alguém… mas a edição estava errada, pois a segunda edição sai nesta semana (02/04) e esta está na enquete

  • pabloREM

    New Avengers perdendo para o Flash, Aquabucha, e os Guardiões do Bendis de briguinha com a Jean do passado. Inacreditável. Pior que isso só o Silver Surfer do Slott em primeiro e o Moon Night fora da disputa.

    • Moon Night foi sugestão de alguém… mas a edição estava errada, pois a segunda edição sai nesta semana (02/04) e esta está na enquete

  • Anubis_Necromancer

    É bom ver material de fora.
    Uma pena que nunca concluiram a resenha do mega-crossover que a Dynamite teve um tempo atrás.

    • Pois e

    • Vou tentar fazer na próxima semana… se conseguir,

  • Anubis_Necromancer

    É bom ver material de fora.
    Uma pena que nunca concluiram a resenha do mega-crossover que a Dynamite teve um tempo atrás.

    • Pois e

    • Vou tentar fazer na próxima semana… se conseguir,

  • Marcão Sparcos

    Morcega Pistoleira? nunca me enganou UHAUHAUHUHAUHAUHA

  • Marcão Sparcos

    Morcega Pistoleira? nunca me enganou UHAUHAUHUHAUHAUHA

  • Aquaman de BH#SapãoNoMdM

    Cacete, resenha bastante extensa com referências e puxando o passado do personagem.
    King é o novo cor…, brincadeira. Uma boa resenha.

    Se puder indicar outro Black, indico o Besouro Negro do Francesco Francavilla, diponível nas melhores baías. Histórinhas pulp simples e honestas, com uma arte matadora(hã). Muito foda.

    • Foi mal, mas o personagem é polêmico com sua origem vinculada ao Bátemã

    • Consegui a primeira série (Way Out), mas a atual Necrologue não achei. Links?

  • Aquaman, O Lego Emo

    Cacete, resenha bastante extensa com referências e puxando o passado do personagem.
    King é o novo cor…, brincadeira. Uma boa resenha.

    Se puder indicar outro Black, indico o Besouro Negro do Francesco Francavilla, diponível nas melhores baías. Histórinhas pulp simples e honestas, com uma arte matadora(hã). Muito foda.

    • Foi mal, mas o personagem é polêmico com sua origem vinculada ao Bátemã

    • Consegui a primeira série (Way Out), mas a atual Necrologue não achei. Links?

  • Puluko

    Chora DCnetaiada: Silver Surfer em primeiro para ser resenhada. hohohohohohohoho

    • JJota

      Se for a do Dan Slott, deveriam chorar todos os fãs de quadrinhos de super-heróis…

      • Reverendo

        Sad but true

      • Aquaman de BH#SapãoNoMdM

        Já falei aqui e o King concordou. Surfista do Slott será o novo Demolidor do waid.
        Cavaleiro da Lua tá mal votado…, deviam pôr que é o Warren Ellis quem escreve.

        • JJota

          Se já está vencendo votações para a resenha, mostrou que está mais pra Aranha Superior.

          • Aquaman de BH#SapãoNoMdM

            Sei lá. Vejo essa chiadeira com o Superior. Nao li e não gostei, mas acho válida essas tentativas de mudar o heroi. É até bom pra dar uma renovada. Depois o cara sai, volta tudo ao que era antes e os fãs voltam a reclamar que é tudo igual. Mas vou depositar um pouco de confiança nessa, tem possibilidade de surpreender.

          • JJota

            Eu vejo as coisas um pouco como o King: mal comparando, Slott organiza bem suas ideias, conta a história em um ritmo bom e tece diálogos interessantes. O problema são as ideias que ele põe em prática: ora são estapafúrdias, ora são clichêzentas (o malvado que sofre a influência do bonzinho e resolver ser do bem, mas do seu jeito).

            Acho válido reclamar por mudanças, mas se as mesmas foram ruins, por que devemos aceitá-las? É como aquela bobagem de dizer que Peter era um clone: era uma enorma mudança de status quo, mas era completamente idiota.

          • Aquaman de BH#SapãoNoMdM

            Aí é que está. Você não precisa aceitar. Mas elas vão acontecer, querendo ou não. Gosto muito de Sandman. Se a DC resolver amanhã botar um Sandman dos Novos 52, brother do constantine e membro da Liga Dark vou achar uma merda. Mas é uma mudança. Se depois valer ou não, pra mim, tanto faz. Vou continuar curtindo a fase que li toda do personagem e vida que segue. É uma mudança, não acho tão valida, mas por que não? O persongem tá aí. Se for ruim eu não leio. Não fico alimentando essa coisa como fazem com o Superior.

          • JJota

            Não estou me opondo. Continuo criticando o trabalho do Slott porque leio. Como parei com o Batman, parei até de comentar as resenhas com o personagem, exceto Batman Inc, que comprei até o fim (sim, sou um verme…)

            As mudanças são inevitáveis. Mas nem por isso devemos deixar de criticar.

          • SADman #SapãoNoMdM

            Gosto muito de Sandman. Se a DC resolver amanhã botar um Sandman dos Novos 52, brother do constantine e membro da Liga Dark

            #NÃOCARA, não profira essas palavras! Alguém de lá pode ler! Nem em exemplos, pqp!

          • concordo

          • Renan

            É bem por aí mesmo.

        • Robin Hood

          Surfista do Slot vai ser uma revista de qualidade “superior”

        • Renan

          Principalmente depois que ele trocar de mente com o Galactus e precisar se esconder dentro das memórias do próprio pra se auto-enganar a si mesmo. E nem falei do Surfista 2099 que vai aparecer pra…

      • Puluko

        O Slott é responsável por aquela mini do Aranha com o Tocha humana… Uma das melhores coisas que eu já li! Então já viu, né? Ele cagou no “superior”, mas pode fazer algo que preste no Silver Surfer…

  • Puluko

    Chora DCnetaiada: Silver Surfer em primeiro para ser resenhada. hohohohohohohoho

    • JJota

      Se for a do Dan Slott, deveriam chorar todos os fãs de quadrinhos de super-heróis…

      • Reverendo

        Sad but true

      • Aquaman, O Lego Emo

        Já falei aqui e o King concordou. Surfista do Slott será o novo Demolidor do waid.
        Cavaleiro da Lua tá mal votado…, deviam pôr que é o Warren Ellis quem escreve.

        • JJota

          Se já está vencendo votações para a resenha, mostrou que está mais pra Aranha Superior.

          • Aquaman, O Lego Emo

            Sei lá. Vejo essa chiadeira com o Superior. Nao li e não gostei, mas acho válida essas tentativas de mudar o heroi. É até bom pra dar uma renovada. Depois o cara sai, volta tudo ao que era antes e os fãs voltam a reclamar que é tudo igual. Mas vou depositar um pouco de confiança nessa, tem possibilidade de surpreender.

          • JJota

            Eu vejo as coisas um pouco como o King: mal comparando, Slott organiza bem suas ideias, conta a história em um ritmo bom e tece diálogos interessantes. O problema são as ideias que ele põe em prática: ora são estapafúrdias, ora são clichêzentas (o malvado que sofre a influência do bonzinho e resolver ser do bem, mas do seu jeito).

            Acho válido reclamar por mudanças, mas se as mesmas foram ruins, por que devemos aceitá-las? É como aquela bobagem de dizer que Peter era um clone: era uma enorma mudança de status quo, mas era completamente idiota.

          • Aquaman, O Lego Emo

            Aí é que está. Você não precisa aceitar. Mas elas vão acontecer, querendo ou não. Gosto muito de Sandman. Se a DC resolver amanhã botar um Sandman dos Novos 52, brother do constantine e membro da Liga Dark vou achar uma merda. Mas é uma mudança. Se depois valer ou não, pra mim, tanto faz. Vou continuar curtindo a fase que li toda do personagem e vida que segue. É uma mudança, não acho tão valida, mas por que não? O persongem tá aí. Se for ruim eu não leio. Não fico alimentando essa coisa como fazem com o Superior.

          • JJota

            Não estou me opondo. Continuo criticando o trabalho do Slott porque leio. Como parei com o Batman, parei até de comentar as resenhas com o personagem, exceto Batman Inc, que comprei até o fim (sim, sou um verme…)

            As mudanças são inevitáveis. Mas nem por isso devemos deixar de criticar.

          • Renascido Coulson, DC Te Amo

            Gosto muito de Sandman. Se a DC resolver amanhã botar um Sandman dos Novos 52, brother do constantine e membro da Liga Dark

            #NÃOCARA, não profira essas palavras! Alguém de lá pode ler! Nem em exemplos, pqp!

          • concordo

          • Canoa Furada

            É bem por aí mesmo.

        • Robin Hood

          Surfista do Slot vai ser uma revista de qualidade “superior”

        • Canoa Furada

          Principalmente depois que ele trocar de mente com o Galactus e precisar se esconder dentro das memórias do próprio pra se auto-enganar a si mesmo. E nem falei do Surfista 2099 que vai aparecer pra…

      • Puluko

        O Slott é responsável por aquela mini do Aranha com o Tocha humana… Uma das melhores coisas que eu já li! Então já viu, né? Ele cagou no “superior”, mas pode fazer algo que preste no Silver Surfer…

  • Rafael

    só pela resenha essa hq já é melhor do toda a bat-família no Novos 52, resta torcer pros cornos da warner não comprarem a dynamite e foderem com tudo.

    • JJota

      Qualquer coisa neste mundo >>>>>>>>>>>> Novos 52

      • Jason_Asa_Invernal

        eu venho dizendo isso a muito tempo, esse “reboot” criado pela DC, só serviu para esculhambar a porra toda, só vejo reclamação, dynamite acaba crescendo no conceito

        • JJota

          Só falta a Panini parar de frescura e lançar Crossed!

  • Rafael

    só pela resenha essa hq já é melhor do toda a bat-família no Novos 52, resta torcer pros cornos da warner não comprarem a dynamite e foderem com tudo.

    • JJota

      Qualquer coisa neste mundo >>>>>>>>>>>> Novos 52

      • Jason_Asa_Invernal

        eu venho dizendo isso a muito tempo, esse “reboot” criado pela DC, só serviu para esculhambar a porra toda, só vejo reclamação, dynamite acaba crescendo no conceito

        • JJota

          Só falta a Panini parar de frescura e lançar Crossed!

  • O_Comentarista

    Esse sim é o Morcego que presta.

    Chupa JJota!

    • JJota

      Se está comparando com o Batman dos Novos 52, pode ficar à vontade pra esculhambar. Scott Snyder e Grant Morrison acabaram com o Morcego.

      Bradley Cooper não conseguiu ser o Lanterna, mas pode ser um herói muito maior!

      http://darthchief.blogspot.com.br/2014/03/um-novo-indiana-jones.html

      • Aquaman de BH#SapãoNoMdM

        Grant Morrison HEROI.

        • JJota

          Dá pra ele.

          • Aquaman de BH#SapãoNoMdM

            Não. Mas você devia. Toda essa raiva aparente…só pode ser amor.

          • JJota

            Não é raiva, é discernimento. Morrison faz tempo não faz um trabalho que se aproveite em HQs.

          • Aquaman de BH#SapãoNoMdM

            Batman Inc…

          • JJota

            O maior lixo que tive o desprazer de ler com o logo do Morcego na capa. Ideia imbecil, requentada e sem sentido. Batman gaúcho, Batman francês, Batman japonês, Batman índio, Batman inglês… E um dos piores textos que vi, com aqueles vilões verborrágicos que, de perto, parecem todos iguais.

          • Aquaman de BH#SapãoNoMdM

            Aí é onde você errou. O único Batman alguma coisa era o Batwing.
            Os outros já eram vigilantes, foram cooptados pelo Batman em defesa do mundo. Apela pra galhofa, me fez rir em diversos momentos, tem ação massaveia e bons desenhistas. Não consigo achar essa merda toda. E vilões verborrágicos…, isso tem bastante.

          • JJota

            Ai, ai… O que eu quis dizer eram que todos eram batman genéricos, só isso. O “batman” gaúcho é o El Gaúcho, por exemplo, mas porque eu me darei o trabalho de explicar isto?

            E eu não consegui rir com aquilo (e olha que sou fã do Deadpool!). Achei deboche, como aquelas piadas do Homem de Ferro 3.

          • Dr. Manhattan

            Esqueceu da Bat-Vaca, que é a maior heroína bovina de todas! TODAS!

          • Robin Hood

            Bat-Vaca > Bate-em-man

          • Aquaman de BH#SapãoNoMdM

            Fã do Deadpool…, já é o bastante.

      • Rafael

        Indiana Jones é overrated pra caralho!

        • JJota

          Já pensou se, mais uma vez, o Cooper perde o papel pro Ryan Reynolds?

          “Belo chapéu, Indiana!”
          ” I know, right!”

          • Dr. Manhattan

        • Robin Hood

          Sacrilégio! Indiana Jones é um dos maiores heróis de todos os tempos! O senhor deveria levar 100 chicotadas pra não repetir essas injúrias 🙂 (agora, se vc for considerar só pelos filmes 2 e 4, tudo bem, é muito NHÉ…)

          • Ah cara, a trilogia clássica é muito maneira, inclusive o 2.

            Agora o 4 non exciste.

      • Dr. Manhattan

        Mas ele SERÁ um herói muito maior. Ele será o GUAXINIM DE TRABUCO. Não há personagem melhor para se querer interpretar.

    • Sir Jones Kast, Ph.D.

      MorcegA macho!

  • O_Comentarista

    Esse sim é o Morcego que presta.

    Chupa JJota!

    • JJota

      Se está comparando com o Batman dos Novos 52, pode ficar à vontade pra esculhambar. Scott Snyder e Grant Morrison acabaram com o Morcego.

      Bradley Cooper não conseguiu ser o Lanterna, mas pode ser um herói muito maior!

      http://darthchief.blogspot.com.br/2014/03/um-novo-indiana-jones.html

      • Aquaman, O Lego Emo

        Grant Morrison HEROI.

        • JJota

          Dá pra ele.

          • Aquaman, O Lego Emo

            Não. Mas você devia. Toda essa raiva aparente…só pode ser amor.

          • JJota

            Não é raiva, é discernimento. Morrison faz tempo não faz um trabalho que se aproveite em HQs.

          • Aquaman, O Lego Emo

            Batman Inc…

          • JJota

            O maior lixo que tive o desprazer de ler com o logo do Morcego na capa. Ideia imbecil, requentada e sem sentido. Batman gaúcho, Batman francês, Batman japonês, Batman índio, Batman inglês… E um dos piores textos que vi, com aqueles vilões verborrágicos que, de perto, parecem todos iguais.

          • Aquaman, O Lego Emo

            Aí é onde você errou. O único Batman alguma coisa era o Batwing.
            Os outros já eram vigilantes, foram cooptados pelo Batman em defesa do mundo. Apela pra galhofa, me fez rir em diversos momentos, tem ação massaveia e bons desenhistas. Não consigo achar essa merda toda. E vilões verborrágicos…, isso tem bastante.

          • JJota

            Ai, ai… O que eu quis dizer eram que todos eram batmen genéricos, só isso. O “batman” gaúcho é o El Gaúcho, por exemplo, mas porque eu me darei o trabalho de explicar isto?

            E eu não consegui rir com aquilo (e olha que sou fã do Deadpool!). Achei deboche, como aquelas piadas do Homem de Ferro 3.

          • Dr. Manhattan

            Esqueceu da Bat-Vaca, que é a maior heroína bovina de todas! TODAS!

          • Robin Hood

            Bat-Vaca > Bate-em-man

          • Aquaman, O Lego Emo

            Fã do Deadpool…, já é o bastante.

      • Rafael

        Indiana Jones é overrated pra caralho!

        • JJota

          Já pensou se, mais uma vez, o Cooper perde o papel pro Ryan Reynolds?

          “Belo chapéu, Indiana!”
          ” I know, right!”

          • Dr. Manhattan

        • Robin Hood

          Sacrilégio! Indiana Jones é um dos maiores heróis de todos os tempos! O senhor deveria levar 100 chicotadas pra não repetir essas injúrias 🙂 (agora, se vc for considerar só pelos filmes 2 e 4, tudo bem, é muito NHÉ…)

          • Ah cara, a trilogia clássica é muito maneira, inclusive o 2.

            Agora o 4 non exciste.

      • Dr. Manhattan

        Mas ele SERÁ um herói muito maior. Ele será o GUAXINIM DE TRABUCO. Não há personagem melhor para se querer interpretar.

    • Sir Jones Kast, Ph.D.

      MorcegA macho!

  • Parece melhor que muita coisa que lemos por aí!!!

    • E tem pelo menos UMA cena caliente…

      Em quarta-feira, 26 de março de 2014, Disqus escreveu:

      • Pois é… isso é o que não vemos na revista da Morcega

    • Reverendo

      Parece não .. É muito melhor … adorei

      • Queria que alguma outra editora trouxesse para cá… tinha que haver uma concorrência boa que nos trouxesse novidades…assim, a Panini ia ter que se preocupar e talvez melhorar.

  • Parece melhor que muita coisa que lemos por aí!!!

    • E tem pelo menos UMA cena caliente…

      Em quarta-feira, 26 de março de 2014, Disqus escreveu:

      • Pois é… isso é o que não vemos na revista da Morcega

    • Reverendo

      Parece não .. É muito melhor … adorei

      • Queria que alguma outra editora trouxesse para cá… tinha que haver uma concorrência boa que nos trouxesse novidades…assim, a Panini ia ter que se preocupar e talvez melhorar.