Estranhos eventos estão ocorrendo no mundo todo – culminando na aparição de um gigantesco Pássaro de Fogo ardendo no sol e uma explosão na Lua. Após investigarem essas ocorrências psíquicas goblais e enfrentarem inimigos bizarros e familiares, os X-Men chegam à uma conclusão: a Fênix está de volta… e Jean Grey também!!!

Os X-Men vão até o túmulo de Jean Grey e descobrem que ele está vazio. Kitty Pride vai até Londres pedir ajuda à Emma Frost para descobrir o paradeiro de Jean. Emma diz aonde eles devem procurar. Enquanto isso, Jean continua com a sua “vida” e revivendo alguns momentos do seu passado (e outros eventos estranhos) até que a Fênix decide que já é hora delas conversarem. Os X-Men chegam ao Novo México e após acharem que Emma os havia feito de idiotas e os feito viajar à toa, descobrem uma redoma de energia e com isso, chegamos ao fim da terceira edição.

Análise Enxuta dessa edição: muita enrolação nos roteiros de Matthew Rosemberg. Nota 4. Na parte artística, Joe Bennett faz um excelente trabalho com arte-final de Lorenzo Ruggiero e cores de Rachelle Rosemberg. Nota 7. Bora pra próxima edição.

Recomendação do Sorg

A edição quatro começa com Jean ainda vivendo sua vida no mundo de ilusão criado pela Fênix. No Novo México, os X-Men decidem entrar na redoma e descobrem o mundo caótico criado pela Fênix. Eles Os X-Men enfrentam alguns dos seus companheiros mortos, mas logo descobrem que as criaturas são apenas criações da Fênix e detonam todos eles.

Ameaça vencida, eles avançam, encontram a Lanchonete da Annie e notam que alguém está saindo dela. É a Jean, só que ela não consegue ve-los. Jean volta para dentro da lanchonete e Annie tenta convencê-la de que seus pesadelos são o sinal de que uma mudança está vindo e ela deve aceitá-la. Do lado de fora, os X-Men tentam entender o que está acontecendo e chegam à conclusão de que a Fênix criou aquele lugar para Jean, a trouxe de volta a vida para prepará-la e depois, fundir-se a ela. Eles chegam à conclusão de que se ela ainda está ali, está viva e pode ser salva.

Dentro da Lanchonete, “Annie” continua com sua tentativa de convencer Jean a aceitar o que está por vir. Jean diz que tudo aquilo não passava de um sonho. Do lado de fora, os X-Men avaliam as suas opções e convencidos de que Jean pediu ajuda a eles agindo de dentro do “ovo”, decidem agir. Derrepentemente, a ave de fogo surge em cima da Lanchonete. Analisando os acontecimentos, eles sacam que a Fênix quer que eles lutem e decidem enviar alguém pra conversar. O Cíclope 9vinho se oferece para ir, mas o Velho Logan explica pro guri que aquela não é a Jean dele e que ele é o cara certo para ir, pois a ama. “Logan, sei que a ama, mas se a Fênix conseguir se fundir com Jean…” – diz Kitty. “Sei o que tenho que fazer.” – responde Logan enquanto caminha em direção à Lanchonete. Fim de papo e vámonos às análises:

Rosemberg continua o desenrolar da sua trama. O que posso dizer dela? Arrastada, no mínimo… arrastada demais. Sinceramente? Chega a ser chata. Nota 4.

O desenho dessa edição ficou à cargo de Ramon Rosanas com cores de  Rachelle Rosemberg. Olha, eu até que gostei do trabalho do senhor Rosanas. Nota 6,5.

Bem, Enxutada… taí a Resenha Enxuta de Fênix Ressurreição: O Retorno de Jean Grey #03 e #04. O que acharam dessa edição? MIMIMIzem aê nos comentários. O que eu achei? NHÉ!!! Troço chato e enrolado da porra!!!

Comentários Facebook (O DISQUS ESTÁ ATR... LOGO ABAIXO)

Comentários Disqus

BDE1