Heroes Reborn Dark Matters

Heroes Reborn Dark Matters é uma webserie que mostram os acontecimentos que serão trabalhados na série.

Falaí, meus caros Enxutos, Enxutetes e trutas: ontem, resolvi assistir a webserie Heroes Reborn, intitulada “Dark Matters”. Os seis episódios que duram em torno de 15 minutos cada foram, lançados no canal oficial (aqui) da série Vocêtubo nos states  e funcionam como um prequel para a série e também como uma espécie de ponte que liga a série antiga com a nova. A webserie começa três anos após o fim da quarta temporada e dois anos antes de Heroes Reborn, com a intenção de apresentar os personagens e relembrar os fatos.

HeroesReborn_DarkMatters_EP01

A webserie foi produzida para passar a impressão de que foi feita à partir de vídeos caseiros, câmeras de segurança e imagens da internet. É um recurso muito usado em filmes e séries nos últimos anos, mas funcionou bem para a proposta da webserie. A ambientação da série é muito boa. O primeiro vídeo relembra quando Claire pulava de lugares altíssimos para testar suas próprias habilidades de regeneração. Ela aparece até com o ombro fora do lugar, quase como quando ela se jogava da torre no Texas, onde morava no começo da história na primeira temporada da série original.

2783598166-claire-bennett

Atenção: a parir daqui, rola spoiler de Heroes Reborn Dark Matters.

Episódio 1 – Where are the Heroes?

Where_Are_the_Heroes-e1442452538371-740x417

O 1º episódio começa com a propaganda de uma empresa chamada Renautas sendo interrompida por um cara encapuzado, que chama à si mesmo de “O Paladino”, uma espécie de revolucionário subversivo que publica vídeos conclamando os EVOs (abreviação de Evolved Humans ou Humanos Evoluídos em português) à se conscientizarem e agirem usando o exemplo de Claire, que revelou as suas habilidades para o mundo ao final da quinta temporada. Somos apresentados a Phoebe, uma adolescente que, assim como várias outras pessoas pelo mundo, se inspirou em Claire para expor suas habilidades. A “Deusa das Sombras”, como é apelidada por seu irmão Quentin, faz seu primeiro vídeo e mostra como é capaz de manipular a luz brincando com sua sombra.

Episódio 2 – Phoebe

sgqhnwr9oagfpqgktfqq-740x388 (1)

Nesse episódio, Phoebe vai para a faculdade e conhecemos a amiga de quarto dela, Aly. A naturalidade com que Aly fala de seu vizinho que respira em baixo da água mostra como os EVOs já fazem parte do cotidiano das pessoas. Os poderes de Phoebe vão evoluindo e ela passa a conseguir canalizar a luz. Só que suas habilidades passam à apresentar um lado negativo…. de alguma forma as trevas a estão consumindo.

Episódio 3 – Registered

0

Registered mostra a transição do registro de EVOs de voluntário a obrigatório. Aqui o cerco começa a se fechar e vemos Phoebe sofrer preconceito por parte de uma empresa que não a aceitou em um estágio depois de ver a sua identificação de EVO. Chegam noticias de que na China e na Rússia estão havendo recrutamentos forçados e acampamentos de esterilização. Um representante da Renautas entrega um cartão à Phoebe e diz que eles dão oportunidades a EVOs.  Phoebe participa de uma manifestação pró-EVOs  e quando um grupo chega manifestando repúdio ao EVOs, a coisa esquenta e alguns dos EVOs usam seus poderes. Phoebe meio que involuntariamente, anula o poder de outros EVOs. Sobre os poderes de Phoebe, podemos considerar uma pista: quando ela faz o registro, ela diz ser meio-irmã de Quentin e que não sabe sobre o pai. Isso explica o fato do irmão não ser um EVO e nos leva à seguinte pergunta… quem seria o pai de Phoebe? Alguém conhecido ou alguém que ainda iremos conhecer?

Episódio 4 – June 13th

150714_2880787_Chapter_Five___Renautas_

O foco dos episódios anteriores era Phoebe. Nesse episódio, Quentin assume de vez o papel de protagonista da história. Ele e Aly vão atrás de Phoebe que está a caminho de uma conferência de EVOs em Odessa, próximo à Primatech (sim, aquela da série original). O transito está engarrafado e na confusão que rola na ida para a conferência, vemos um eclipse (o símbolo de Heroes) se formar. E baseado na progressão dos poderes de Phoebe fica impossível acreditar que não foi ela a causadora do atentado terrorista que se seguiu. Phoebe é dada como morta e um velho conhecido é apontado como autor do atentado e líder dos terroristas: o bom Dr. Mohinder.

Episódio 5 – Renautas

20150724032247Doing_good_is_good_business

Quentin fica obcecado com a morte da irmã e a com a acusação dela ser um dos terroristas autores do atentado. Ele começa à juntar provas para limpar o nome da irmã e após várias tentativas, consegue contato e ajuda do Paladino. Com a ajuda dele, Quentin consegue (de maneira ridicularmente fácil) se infiltrar na Renautas como funcionário e depois invadi-la à noite para conseguir os arquivos que provam que sua irmã é inocente, que a Renautas faz parte da Primatec e que ela é a verdadeira responsável pelo ataque terrorista. Mas tudo não passava de um plano da empresa para que Quentin os levasse até o esconderijo do Paladino para capturá-lo.

Episódio 6 – Where the Truth Lies

Screen-Shot-2015-09-16-at-22.42.04-740x413

Nesse episódio, descobrimos a verdadeira identidade do Paladino: ele é o Micah. Confesso que não desconfiei que era ele, mas o seu aparecimento mostra como o seus poderes e o controle sobre eles evoluíram . Descobrimos também que Phoebe está viva e mantida presa pela Renautas. Micah ao ser capturado, manda Quentin procurar o único que pode ajuda-lo: Noah. Quentin se torna um foragido e reúne informações para chegar até Noah, que está usando uma identidade falsa. Quando surge uma foto de Noah nos arquivos reunidos por Quentin, a musica tema instrumental de Heroes começou a tocar (é um bom momento para os fãs da série se arrepiarem). Quentin encontra Noah e pede sua ajuda par encontrar sua irmã e descobrir os planos da Renautas/Primatech. E é o fim.

Bem, Enxutos e Enxutetes… confesso que gostei do que vi em Heroes Reborn Dark Matters. Há a evocação bem feita de elementos da série original, a introdução de novos personagens e o resgate daquele clima dramático da série. A trama parece bem escrita e desenvolvida, conseguindo manter o clima de tensão e descoberta do começo ao fim. Ainda não assisti aos primeiros capítulos de Heroes Reborn, mas esses seis episódios de Dark Matters conseguiram me despertar a vontade de assistir o que está por vir.

Heroes Reborn estrou no dia 24 de Setembro nos states pela NBC. Vou ver se assisto os primeiros capítulos nesse fim de semana e quem sabe, não rola uma resenha? Alguém viu Heroes Reborn Dark Matters? Se sim, MIMIMIze aê nos comentários as suas impressões. See ya later, bitches!!!

Comentários Facebook (O DISQUS ESTÁ ATR... LOGO ABAIXO)

Comentários Disqus

BDE1