Capitão civil war

Mas o Capitão Evans acha que o Homem de Ferro está mais certo.

Chuchus, como vocês sabem todas as atenções direcionadas ao Marvel Studios no momento são para Capitão América: Guerra Civil. Bom, rolou um painel sobre o assunto na Salt Lake Comic Con (uma Comic Con em Salt Lake City? Sério?) e o eterno Jake Wyler falou sobre o conflito entre Capitão e Homem de Ferro no filme:

Tony acha que tem que assinar o acordo para se reportar a alguém, ele acredita nisso. O Capitão, que sempre foi um cara do governo e um soldado, não acredita mais em nada, principalmente depois do que acontecer em Soldado Invernal – ele acha que as mãos mais seguras são as dele mesmo. É complicado, pois lendo o roteiro eu concordo com Tony. Não dá para fazer tudo sozinho, é preciso se render ao grupo.

Mas o Capitão tem suas razões e o senso de pureza mais cristalino possível. É algo difícil de escolher mesmo e acho que o grande ponto deste filme é que não há um vilão, de fato. Ninguém está certo, ninguém está errado. E isso era muito legal na hora de filmar, pois era algo que se relacionava com nossas visões de vida e política.

Eu também sou contra as privatizações e voto no Enéas

Olha só que filho da puta, discordando do próprio personagem! Em um certo ponto, ele está certo, todo mundo aí tem um ponto de vista válido. Mas quando metade das pessoas com esse ponto de vista podem devastar uma cidade, é bom ter algum controle sim.

Agora cá pra nós, depois de toda a merda que o Tony Stark causou em A Era de Ultron, como é que alguém ainda se importa com a opinião dele? Deviam jogar um sujeito em uma cela longe de qualquer aparelho eletrônico pelos próximos 300 anos!

Comentários Facebook (O DISQUS ESTÁ ATR... LOGO ABAIXO)

Comentários Disqus

BDE1