Ten Grand por Eu Sou Groot

228
46

Ten Grand topo do post

Eu Sou Groot… errr, que dizer, eu sou o Sorg. Mas o leitor Eu Sou Groot nos mandou um texto sobre a série Ten Grand e, obviamente, se você quer saber do que se trata, é só clicar no mais ai embaixo.

Desanimado, desiludido e puto pracarai com estas merdas de revistas do eixo do mal, eu tenho buscado coisas mais originais e alternativas (se é que é possível encontrar isto nos dias de hoje).  Foi assim que encontrei  Ten Grand e me surpreendi em descobrir que o mais do mesmo é melhor do que tem sido feito com alguns (senão a maioria) dos personagens que eu gostava. Digo isto por que os personagens que conhecemos estão tão diferentes ou modificados que não parecem ser em mais eles mesmos (tá, eu sou um leitor das antigas velho, amargurado e ranzinza).

Ten Grand # 01-04

Ten Grand é uma HQ publicada nos EUA pela Image Comics e produzida pela Joe’s Comics, um braço menor da empresa. Ela é escrita pelo premiadíssimo J. Michael Straczynski escritor da cultuada série Babylon 5, entre vários outros trabalhos que lhe renderam notoriedade. Os desenhos ficam por conta de Ben Templesmith, responsável pelos desenhos de 30 Dias de Noite, que depois virou filme, e vencedor de vários prêmios da indústria de quadrinhos e indicações para o Eisner, o Oscar das HQs.

Como eu disse antes, a temática das histórias poderia ser vista apenas como mais do mesmo… mas a revista vai muito além disso. O cenário criado por eles e a arte para descrever os acontecimentos, é recheada de mistério, suspense e uma boa dose de magia moderna, que nos remete ao estilo de Hellblazer na antiga Vertigo que a DC Comics tratou de assassinar com a nova publicação de Constantine.

Ten Grand 02

A história conta as desventuras de Joe Fitzgerald, um assassino profissional contratado pela máfia para cuidar de assuntos que estejam atrapalhando os negócios. Infelizmente para Joe um desses assuntos envolvia um sujeito que usava magia negra. Os demônios que faziam pacto com ele trataram de ensinar a Joe não se meter nesses assuntos e mataram sua esposa. Ele foi morto no processo e seu corpo revivido por anjos que o colocaram a serviço deles para combater os demônios que se espalham pelo mundo.

Ten Grand 03

Joe agora é conhecido por resolver problemas relacionados ao sobrenatural que os outros não conseguem. Ele cobra US$10 mil (Ten Grand) pelos seus serviços, Que é o suficiente para afastar os malucos, os perdedores, os jogadores, os porralocas, …, segundo afirma o próprio Joe.

 Ten Grand nos trás de novo o elemento sobrenatural presente nas antigas edições da linha Vertigo, como o poder do nome verdadeiro, usar magia fazendo desenhos e usando marca de anjos, presença de criaturas escondidas em nosso mundo que passam desapercebido por todos, ao mesmo tempo que tem uma narrativa dinâmica e com ação. Mas nem tudo parece ser o que realmente é em Ten Grand e alguns mistérios e conspirações já começaram a aparecer.

Ten Grand 01

 Falando da equipe criativa, nos argumentos, J. Michael Straczynski consegue criar um universo coeso, personagens consistentes e com personalidades marcantes que são bem estabelecidas logo no primeiro número.  Já na arte, Ben Templesmith nos traz desenhos sujos e com um clima bem noir que se encaixam perfeitamente com a temática e ambientação das histórias.

Bem pessoal… este é um título que me impressionou bastante e que nos oferece uma excelente alternativa às revistas do eixo do mal e aos órfão da antiga Vertigo. Ponto para a Image e rogo para que alguma editora tenha culhões de trazer esta revista para o Brasil. Espero que tenham gostado do post. Por hoje é só pessoal!!!

Ten Grand 05

Comentários Facebook (O DISQUS ESTÁ ATR... LOGO ABAIXO)

Comentários Disqus

BDE1