E a besta logo atrás.

Enxutos, vocês já devem ter visto por tudo quanto é lugar aí que Robert Pattinson, mais conhecido como Edward Cullen, o vampiro romântico que brilha durante o dia na saga infantojuvenil Crepúsculo, lidera a preferência dos The Producers na escolha de um novo Bruce Wayne, A.K.A Batman, o personagem com cinto de utilidades que guarda um escudo no forevis.

Para quem não sabe ou simplesmente não se importa, The Batman seria a continuação cronológica do personagem depois do miserável Liga da Justiça. Ben Affleck ia dirigir, escrever e estrelar aí, conforme foi percebendo que vai dar merda capitão, foi tirando o corpo fora, que nem aquelas reuniões de família chatas pra caraleo que você saí sem despedir de ninguém, sacam? Então, ele aos poucos foi saindo do projeto, não vou mais dirigir, só atuar e escrever; Ah, quer saber? Chefe, eu tô cansado pra caralho, só trabalho nessa porra e, por fim, saiu vazado.

Nesse imbróglio todo, o filme aparentemente vai rebootar o personagem numa versão mais xóvem e em começo de carreira (ou algo que o valha) visto que Pattinson tem 33 anos. O vampiroso é o preferido dos produtores (e segundo meus amiguinhos do BdE, é até um bom ator). Já Matt Reeves, o cara que ainda responde como diretor nessa lenga lenga que ninguém sabe se vai ou não, tem como preferência Nicholas Hoult, o Fera dos novos filmes dos Xis Mein e o Nux de Mad Max: Fury Road e o Tolkien do filme biografia que vai sair esse mês.

E o que eu penso nisso tudo? Bem, eu poderia discorrer sobre tudo isso em linhas e mais linhas de argumento embasado mas eu tô tão pouco me fudendo sobre esse filme que eu vou deixar vocês com um clipe sensacional do Salvatore Ganacci:

https://www.youtube.com/watch?v=NkRkuI0ZgX0

Esse clipe é foda demais HUAIHAIUAHUIAHIAHAIHAIAH.

Ah, vejÃO aí o trailer de Tolkien também:

Tchau!